Strategies for Natural Gas & LNG

Estratégias para Gás Natural & GNL

O gás natural e o mercado de gás natural liquefeito estão se tornando mais competitivos, líquidos e sofisticados. Nesse contexto, as empresas em toda a cadeia de valor de GNL devem avaliar o posicionamento competitivo, a exposição a disrupções no mercado e o oportunidades emergentes.

As tendências são claras. À medida que migramos de um mercado limitado para um período de excesso de oferta e aumento da liquidez, os preços e as margens para gás natural liquefeito estão diminuindo. Além disso, tem havido uma liberalização dos mercados finais, tornando mais desafiador assinar os contratos de longo prazo que garantiriam retornos atraentes. E graças à liberalização, há também uma importância crescente de ambos os mercados de nicho, sem capacidade para vendas ponto a ponto, e compradores emergentes nos mercados tradicionais.

As organizações de GNL devem focar em três áreas principais de estratégia:

Melhores Estratégias de Vendas e Negociação

As empresas internacionais de petróleo e gás vendem cerca de 50% do volume total de GNL através de vendas de portfólio, em vez de vendas ponto a ponto tradicionais. Como resultado, os fornecedores devem desenvolver sofisticadas estratégias de vendas e negociação para atender às necessidades dos compradores emergentes e melhorar seus processos de gestão de risco conforme contratos menores de maior risco se tornam mais comuns.

Essa estrutura sofisticada poderá incluir, entre outras coisas:

  • Favorecer as vendas de "delivered ex ships" (DES), quando a venda ocorre no destino, em vez de vendas "free on board" (FOB), quando a venda ocorre no ponto de origem
  • Aproveitar mercados DES de subescala por meio de vendas de portfólio e prestar serviços que permitam a captura de valor além dos padrões de mercado, como vendas sazonais, flexibilidade no volume e serviços de cancelamento
  • Tornar a oferta mais sofisticada introduzindo uma gama mais ampla de termos contratuais (como contratos pontuais, a curto e a médio prazo) e estruturas de indexação (como contratos híbridos que incluem produtos de petróleo, o preço Henry Hub ou o preço NBP)
  • Participar ativamente no mercado à vista, incluindo licitações em mercados de nicho como Kuwait, Egito, Argentina e Brasil
  • Adotar competências de negociação sofisticadas que alavancam o expertise reunido em mercados líquidos, como Europa ou EUA

Além de definir uma estratégia clara de gás natural e GNL para competir no ambiente de mercado atual, é da máxima importância reunir a estrutura organizacional e o conjunto de competências corretas para implementar essa estratégia e agir de forma eficiente a longo prazo. Isso significa ter uma sólida gestão de relacionamento com o cliente (customer relationship management), expertise em financiamento e renegociação contratual, e pricing adequado de serviços de valor agregado, bem como gestão de risco e operações de fornecimento e logística otimizadas.

Desenvolvimento de Empreendimentos de Exportação Mais Complexos

As condições de mercado de hoje forçam os vendedores a ir além da venda exclusiva de moléculas de gás. Em um ambiente de excedente de oferta de GNL, os players precisam bloquear a demanda e alcançar preços mais altos através da integração vertical, considerando investimentos de distribuição seletivos que podem apoiar o desenvolvimento de novos mercados. Uma integração adicional na cadeia de valor requer o design de empreendimentos muito mais complexos.

A transformação de empreendimentos de exportação começa com a avaliação de mercados em potencial e a identificação da atratividade de exportações incrementais de gás natural e GNL para diferentes segmentos dentro de mercados de recepção em potencial. Em seguida, os fornecedores definem os requisitos de infraestrutura necessários do empreendimento de exportação, bem como a estrutura contratual central e a estratégia de parceria. Finalmente, é fundamental avaliar o modelo de negócios, as finanças e as metas estratégicas do empreendimento de exportação integrado.

Reduções de Custos

Nos últimos anos, a indústria tem se concentrado na execução do projeto de GNL, em vez da gestão de custos. Isso resultou em:

  • Projetos únicos e padronização limitada entre os projetos
  • Concorrência limitada entre fornecedores, especialmente em componentes-chave, como compressores de refrigeração e trocadores de calor grandes
  • Melhorias na tecnologia que são baseadas principalmente em escala e eficiência térmica, mas não geram economias de custo significativas
  • Cooperação limitada entre desenvolvedores
  • Foco na execução dos projetos em vez de abordagens enxutas

Os players de GNL devem lançar apenas projetos que forem competitivos sob o pricing atual e adiar qualquer projeto com custos muito altos. Eles também devem implementar medidas estruturais de economia de custos, como abordagens padronizadas modulares para a construção da planta; a promoção da concorrência entre fornecedores; e a implementação de abordagens enxutas ao longo do processo de desenvolvimento.

Conheça Alguns dos Experts do BCG em Gás Natural & GNL

Os consultores do BCG e experts da indústria que se concentram nos setores de gás natural e GNL firmam parcerias com as principais organizações globais para descobrir ideias e desenvolver soluções que gerem vantagem competitiva. Confira nossos experts neste assunto.

  • Oil and gas strategy
  • Energy marketing, trading, and regulatory strategy
  • Internationalization and growth in oil and gas
  • M&A in oil and gas
  • Gas and liquefied natural gas (LNG) strategy
  • Long-term gas and LNG contract negotiation
  • Engineering, procurement, and construction
  • Mergers and acquisitions
  • Market entry
  • Operating model design
  • Contract negotiation
  • Upstream oil and gas
  • Upstream and downstream oil and gas
  • Refinery operations
  • Shale gas
  • Large-scale transformation
  • Upstream and midstream oil and gas
  • Utilities
  • Large scale transformations
  • Organizational redesign and change management
  • Strategy development in oil and gas
  • Energy markets analysis
  • Climate change mitigation
Oil & Gas